LITERARY HURRICANE discussion

note: This topic has been closed to new comments.
14 views
Geral do clube e informações > Sugestões para Julho - Ficção Histórica e YA

Comments Showing 1-8 of 8 (8 new)    post a comment »
dateDown arrow    newest »

message 1: by Raquel (last edited Jun 02, 2017 05:19AM) (new)

Raquel V (raquelvcc) | 444 comments Olá queridos furacões!

Já que estamos chegando perto do mês de férias escolares, do mês de ficar na cama lendo o dia todo, no mês de cobertor e aconchego, temos DUAS sugestões para fazer para este - o glorioso - mês de Julho. Duas porque vamos ler DOIS LIVROS. Isso mesmo, vamos sugerir alguns livros de Ficção Histórica - livro não biográfico que se passe em algum momento do passado - e outros da categoria Young Adult - a popular YA, que indica um livro voltado para o público jovem. Então, só para ficar claro: a) são duas categorias diferentes para sugerir; b) faça quantas sugestões quiser em cada uma; c) você pode sugerir em uma só categoria sem problemas; d) INDIQUE QUAL SUGESTÃO É PARA CADA CATEGORIA.

Além de dois livros, também estamos fazendo uma pequena mudança a partir deste mês. Levando em conta a discussão que tivemos sobre pirataria, além de nossas próprias opiniões e a participação dos membros do grupo, os três moderadores decidiram revogar a regra que diz que o livro precisa estar disponível gratuitamente (o que geralmente é ilegalmente) para ser indicado. A partir deste mês (junho), as sugestões devem ser de livros que estão disponíveis em português e podem ser adquiridos (física ou digitalmente) com facilidade.

Portanto, sugiram a vontade até dia 10 deste mês, aqui ou pelo Facebook!


message 2: by André (new)

André Caniato (vardamir) | 421 comments Buenos dias, galerinha. HAPPY 🌈PRIDE MONTH🌈 e vamos lá que cheguei aqui com seis indicações, três pra cada gênero. Bora? Bora.



>>>>>> FICÇÃO HISTÓRICA

- O mundo se despedaça (Things Fall Apart) - Chinua Achebe
Sinopse: "'O mundo se despedaça' conta a história de um guerreiro chamado Okonkwo, da etnia ibo, estabelecida no sudeste da Nigéria, às margens do rio Níger. O momento que a narrativa retrata é o da gradual desintegração da vida tribal, graças à chegada do colonizador branco. Os valores da Ibolândia são colocados em xeque pelos missionários britânicos que trazem consigo o cristianismo, uma nova forma de governo e a força da polícia.
O delicado equilíbrio de costumes do clã vinha sendo mantido por gerações, mas então atravessa um momento de desestabilização, pois os missionários europeus e seus seguidores, africanos convertidos, começam a acorrer às aldeias de Umuófia pregando em favor de uma nova crença, organizada em torno de um único Deus. A nova religião contraria a crença nas forças anímicas e na sabedoria dos antepassados, em que acreditam os ibos. Além disso, os homens brancos trazem novas instituições: a escola, a lei, a polícia.
Okonkwo, o mais bravo guerreiro do clã, é dos principais opositores dos missionários, mas ele não contava com a adesão à nova crença de muitos de seus conterrâneos, vizinhos e companheiros de aldeia. Entre eles está ninguém menos que seu primogênito, Nwoye. Também aderem à religião do homem branco aqueles que foram marginalizados pela sociedade tradicional, os párias ou osus, as mulheres, os jovens sem perspectiva."

- O continente, volume I - Erico Verissimo
Sinopse: "O primeiro volume de 'O continente' abre a trilogia 'O tempo e o vento'. Erico mergulha no passado do Rio Grande do Sul e do Brasil em busca das raízes do presente. O país vive um momento de redescoberta de si e de redefinição de caminhos, com o fim do Estado Novo e da Segunda Guerra Mundial, e o começo da Guerra Fria. Essa é a moldura para sua visão vertiginosa da violência e das paixões na definição da fronteira e nas guerras civis de seu estado natal."

- Wolf Hall (Wolf Hall) - Hilary Mantel
Sinopse: "A Inglaterra da década de 1520 está a um passo do desastre. Se o rei morrer sem um herdeiro. o país poderá ser consumido em guerra civil. Henrique VIII deseja anular seu casamento de vinte anos e desposar Ana Bolena. O papa e a maior parte da Europa se opõem a ele. A saga em busca da liberdade do rei destrói seu conselheiro. o brilhante Cardeal Wolsey. e deixa um vácuo de poder e um beco sem saída.
É neste impasse que entra Thomas Cromwell. Filho de um brutal ferreiro. um gênio político. subornador. rufião e sedutor. Cromwell rompeu todas as regras de uma sociedade rígida em sua ascensão ao poder. e se prepara para quebrar outras mais. Elevando-se do desastre pessoal — a perda de sua jovem família e de Wolsey. seu venerado empregador —. ele abre caminho habilidosamente através de uma corte em que 'o homem é o lobo do homem'. Confrontando o parlamento. as instituições políticas e o papado. ele está pronto para remodelar a Inglaterra segundo seus próprios desejos. e os de Henrique VIII."

>>>>>> JOVEM ADULTO

- Sete minutos depois da meia-noite, aka O chamado do monstro (A Monster Calls) - Patrick Ness
Sinopse: "Conor é um garoto de 13 anos e está com muitos problemas na vida. A mãe dele está muito doente, passando por tratamentos rigorosos. Os colegas da escola agem como se ele fosse invisível, exceto por Harry e seus amigos que o provocam diariamente. A avó de Conor, que não é como as outras avós, está chegando para uma longa estadia. E, além do pesadelo terrível que o faz acordar em desespero todas as noites, às 00h07 ele recebe a visita de um monstro que conta histórias sem sentido. O monstro vive na Terra há muito tempo, é grandioso e selvagem, mas Conor não teme a aparência dele. Na verdade, ele teme o que o monstro quer, uma coisa muito frágil e perigosa. O monstro quer a verdade."

- O escaravelho do diabo - Lucia Machado de Almeida
Sinopse: "A única pista que Alberto tem sobre a série de assassinatos que está acontecendo é que vítimas ruivas recebem um escaravelho pelo correio antes de morrer. Ele precisa descobrir o que está por trás desses crimes misteriosos antes que outras mortes ocorram na cidade."

- Simon vs. a agenda homo sapiens (Simon vs. the Homo Sapiens Agenda) - Becky Albertalli
Sinopse: "Simon tem dezesseis anos e é gay, mas ninguém sabe. Sair ou não do armário é um drama que ele prefere deixar para depois. Tudo muda quando Martin, o bobão da escola, descobre uma troca de e-mails entre Simon e um garoto misterioso que se identifica como Blue e que a cada dia faz o coração de Simon bater mais forte.
Martin começa a chantageá-lo, e, se Simon não ceder, seu segredo cairá na boca de todos. Pior: sua relação com Blue poderá chegar ao fim, antes mesmo de começar.
Agora, o adolescente avesso a mudanças precisará encontrar uma forma de sair de sua zona de conforto e dar uma chance à felicidade ao lado do menino mais confuso e encantador que ele já conheceu."


message 3: by Raquel (last edited Jun 02, 2017 06:28AM) (new)

Raquel V (raquelvcc) | 444 comments Eu estou tão cheia de sugestões este mês que vai ser difícil me segurar!!

Começamos pelos YA:

Claro que eu não ia deixar de sugerir A Fúria e a Aurora, da Renee Ahdieh. Além de eu ter ganho essa coisa linda de Amigo secreto da Maíra e não ter tido a chance de ler ainda, ele parece incrííível. Sinopse:
Personagem central da história, a jovem Sherazade se candidata ao posto de noiva de Khalid Ibn Al-Rashid, o rei de Khorasan, de 18 anos de idade, considerado um monstro pelos moradores da cidade por ele governada. Casando-se todos os dias com uma mulher diferente, o califa degola as eleitas a cada amanhecer. Depois de uma fila de garotas assassinadas no castelo, e inúmeras famílias desoladas, Sherazade perde uma de suas melhores amigas, Shiva, uma das vítimas fatais de Khalid. Em nome da forte amizade entre ambas, Sherazade planeja uma vingança para colocar fim às atrocidades do atual reinado. Noite após noite, Sherazade seduz o rei, tecendo histórias que encantam e que garantem sua sobrevivência, embora saiba que cada aurora pode ser a sua última. De maneira inesperada, no entanto, passa a enxergar outras situações e realidades nas quais vive um rei com um coração atormentado. Apaixonada, a heroína da história entra em conflito ao encarar seu próprio arrebatamento como uma traição imperdoável à amiga. Apesar de não ter perdido a coragem de fazer justiça, de tirar a vida de Khalid em honra às mulheres mortas, Sherazade empreende a missão de desvendar os segredos escondidos nos imensos corredores do palácio de mármore e pedra e em cenários mágicos em meio ao deserto.

Também estou com Six of Crows, da Leigh Bardugo há horas para ler. Todo mundo fala que é a melhor das suas séries (é uma duologia), e a sinopse é mara mesmo:
A Oeste de Ravka, onde Grishas são escravizados e envolvidos em jogos de contrabandistas e mercadores fica Ketterdam, capital de Kerch, um lugar agitado onde tudo pode ser conseguido pelo preço certo. Nas ruas e nos becos que fervilham de traições, mercadorias ilegais e assuntos escusos entre gangues, ninguém é melhor negociador que Kaz Brekker, a trapaça em pessoa e o dono do Clube do Corvo.
Por isso, Kaz é contratado para liderar um assalto improvável e evitar que uma terrível droga caia em mãos erradas, o que poderia instaurar um caos devastador. Apenas dois desfechos são possíveis para esse roubo: uma morte dolorosa ou uma fortuna muito maior que todos os seus sonhos de riqueza.
Apostando a própria vida, o dono do Clube do Corvo monta a sua equipe de elite para a missão: a espiã conhecida como Espectro; um fugitivo perito em explosivos e com um misterioso passado de privilégios; um atirador viciado em jogos de azar; uma grisha sangradora que está muito longe de casa; e um prisioneiro que quer se vingar do amor de sua vida.
O destino do mundo está nas mãos de seis foras da lei – isso se eles sobreviverem uns aos outros.


Outro na minha TBR há séculos: Mil Pedaços de Você, da Claudia Gray. Sinopse:
Marguerite Caine cresceu cercada por teorias científicas revolucionárias graças aos pais, dois físicos brilhantes. Mas nada chega aos pés da mais recente invenção de sua mãe — um aparelho chamado Firebird, que permite que as pessoas alcancem dimensões paralelas.
Quando o pai de Marguerite é assassinado, todas as evidências apontam para a mesma pessoa: Paul, o brilhante e enigmático pupilo dos professores. Antes de ser preso, ele escapa para outra realidade, fechando o ciclo do que parece ser o crime perfeito. Paul, no entanto, não considerou um fator fundamental: Marguerite. A filha do renomado cientista Henry Caine não sabe se é capaz de matar, mas, para vingar a morte de seu pai, está disposta a descobrir.
Com a ajuda de outro estudante de física, a garota persegue o suspeito por várias dimensões. Em cada novo mundo, Marguerite encontra outra versão de Paul e, a cada novo encontro, suas certezas sobre a culpa dele diminuem. Será que as mesmas dúvidas entre eles estão destinadas a surgirem, de novo e de novo, em todas as vidas dos dois?
Em meio a tantas existências drasticamente diferentes — uma grã-duquesa na Rússia czarista, uma órfã baladeira numa Londres futurista, uma refugiada em uma estação no meio do oceano —, Marguerite se questiona: entre todas as infinitas possibilidades do universo, o amor pode ser aquilo que perdura?


E por último mas não menos importante (só mais um YA, juro produção!): Dumplin', da Julie Murphy. Sinopse:
Especialmente para os fãs de John Green e Rainbow Rowell, apresentamos uma destemida heroína e sua inesquecível história sobre empoderamento feminino, bullying, relação mãe e filha, e a busca da autoaceitação. Sob um céu estrelado e ao som de Dolly Parton, questões como o primeiro beijo, a melhor amiga, a perda de alguém que amamos demais e “estou acima do peso e ninguém tem nada com isso” fazem de Dumplin’ um sucesso que mexerá com o seu coração. Para sempre. Gorda assumida, Willowdean Dickson (apelidada de Dumplin’ pela mãe, uma ex-miss) convive bem com o próprio corpo. Na companhia da melhor amiga, Ellen, uma beldade tipicamente americana, as coisas sempre deram certo... até Will arrumar um emprego numa lanchonete de fast-food. Lá, ela conhece Bo, o Garoto da Escola Particular... e ele é tudo de bom. Will não fica surpresa quando se sente atraída por Bo. Mas leva um tremendo susto quando descobre que a atração é recíproca. Ao contrário do que se imaginava – a relação com Bo aumentaria ainda mais a sua autoestima –, Will começa a duvidar de si mesma e temer a reação dos colegas da escola. É então que decide recuperar a autoconfiança fazendo a coisa mais surreal que consegue imaginar: inscreve-se no Concurso Miss Jovem Flor do Texas – junto com três amigas totalmente fora do padrão –, para mostrar ao mundo que merece pisar naquele palco tanto quanto qualquer magricela.

Agora para os FICÇÃO HISTÓRICA:

Estou esperando ansiosamente para indicar este, um dos livros que mais quero ler esse ano: Toda a Luz que Não Podemos Ver, do Anthony Doerr. Acho difícil quem não tenha ouvido falar desse livro, mas aqui está a sinopse;
Marie-Laure vive em Paris, perto do Museu de História Natural, onde seu pai é o chaveiro responsável por cuidar de milhares de fechaduras. Quando a menina fica cega, aos seis anos, o pai constrói uma maquete em miniatura do bairro onde moram para que ela seja capaz de memorizar os caminhos. Na ocupação nazista em Paris, pai e filha fogem para a cidade de Saint-Malo e levam consigo o que talvez seja o mais valioso tesouro do museu.
Em uma região de minas na Alemanha, o órfão Werner cresce com a irmã mais nova, encantado pelo rádio que certo dia encontram em uma pilha de lixo. Com a prática, acaba se tornando especialista no aparelho, talento que lhe vale uma vaga em uma escola nazista e, logo depois, uma missão especial: descobrir a fonte das transmissões de rádio responsáveis pela chegada dos Aliados na Normandia. Cada vez mais consciente dos custos humanos de seu trabalho, o rapaz é enviado então para Saint-Malo, onde seu caminho cruza o de Marie-Laure, enquanto ambos tentam sobreviver à Segunda Guerra Mundial.
Uma história arrebatadora contada de forma fascinante. Com incrível habilidade para combinar lirismo e uma observação atenta dos horrores da guerra, o premiado autor Anthony Doerr constrói, em Toda luz que não podemos ver, um tocante romance sobre o que há além do mundo visível.


E também, outro que me foi muito muito recomendado, O Rouxinol, da Kristin Hannah. Outro livro lindo sobre a segunda guerra, com notas de esperança e delicadeza. Sinopse:
França, 1939: No pequeno vilarejo de Carriveau, Vianne Mauriac se despede do marido, que ruma para o fronte. Ela não acredita que os nazistas invadirão o país, mas logo chegam hordas de soldados em marcha, caravanas de caminhões e tanques, aviões que escurecem os céus e despejam bombas sobre inocentes.
Quando o país é tomado, um oficial das tropas de Hitler requisita a casa de Vianne, e ela e a filha são forçadas a conviver com o inimigo ou perder tudo. De repente, todos os seus movimentos passam a ser vigiados e Vianne é obrigada a fazer escolhas impossíveis, uma após a outra, e colaborar com os invasores para manter sua família viva.
Isabelle, irmã de Vianne, é uma garota contestadora que leva a vida com o furor e a paixão típicos da juventude. Enquanto milhares de parisienses fogem dos terrores da guerra, ela se apaixona por um guerrilheiro e decide se juntar à Resistência, arriscando a vida para salvar os outros e libertar seu país.
Seguindo a trajetória dessas duas grandes mulheres e revelando um lado esquecido da História, O rouxinol é uma narrativa sensível que celebra o espírito humano e a força das mulheres que travaram batalhas diárias longe do fronte.
Separadas pelas circunstâncias, divergentes em seus ideais e distanciadas por suas experiências, as duas irmãs têm um tortuoso destino em comum: proteger aqueles que amam em meio à devastação da guerra – e talvez pagar um preço inimaginável por seus atos de heroísmo.



message 4: by Mari (new)

Mari Pacheco (marithereader) | 59 comments Muitas sugestões maravilhosas, gente; a votação vai ser sofrida esse mês! Tenho algumas também.
De ficção histórica:
01 - Filha da Fortuna, de Isabel Allende. O livro fala sobre a corrida do ouro, tem personagens bastante diversos e está na minha TBR há um bom tempo: parece ser maravilhoso!
02 - A Vida Secreta das Abelhas, de Sue Monk Kidd. Essa história parece ser daquele tipo que prende a atenção até as últimas páginas! O livro trata da segregação racial e conflito familiar no sul dos Estados Unidos.
03 - Ratos e Homens, um livro que fala sobre amizade e superação num período difícil no cenário financeiro e político dos Estados Unidos e da Europa. É um livro curtinho, e depois temos de brinde um super filme pra assistir!

No gênero YA, minhas sugestões são:

01 - Stardust - O Mistério da Estrela Cadente. Tem magia, romance, fantasia e muito mais, com a escrita maravilhosa do tio Gaiman. E também tem filme pra gente, depois da leitura!

02 - A Corrida de Escorpião, de Maggie Stiefvater. Tem fantasia, tem romance, tem mitologia, e tem uma média bem alta aqui no Goodreads: 4.08. Esse livro me foi recomendado por várias pessoas diferentes e está na minha lista há algum tempo, e acho que seria uma ótima escolha!


message 5: by Jessica (last edited Jun 06, 2017 05:51PM) (new)

Jessica Ohara | 163 comments Não sou muito de Ficção Histórica, então só tenho uma indicação, que é um livro que eu quero ler há muito tempo:
Pássaros Feridos
Pássaros Feridos é a saga vigorosa e romântica de uma família singular, os Clearys. Começa no princípio do século XX, quando Paddy Cleary leva a mulher, Fiona e os sete filhos do casal para Drogheda, vasta fazenda de criação de carneiros, propriedade da irmã mais velha, viúva autoritária e sem filhos; e termina mais de meio século depois, quando a única sobrevivente da terceira geração, a brilhante actriz Justine O' Neill, muitos meridianos longe das suas raízes, começa a viver o seu grande amor.
Personagens maravilhosas povoam este livro: o forte e delicado Paddy, que esconde uma recordação muito íntima; a zelosa Fiona, que se recusa a dar amor porque este, um dia, a traiu; o violento e atormentado Frank e os outros filhos do casal Cleary, que trabalham de sol a sol e dedicam a Drogheda a energia e devoção que a maioria dos homens destina às mulheres; Meggie, Ralph e os filhos de Meggie, Justine e Dane. E a própria terra: nua, inflexível nas suas florações, presa de ciclos gigantescos de secas e cheias, rica quando a natureza é generosa, imprevisível como nenhum outro sítio na terra.
Mas YA é comigo mesmo
Eu, Você e a Garota que Vai Morrer
Eu, você e a garota que vai morrer é uma mistura perfeita entre drama e humor e um retrato preciso da adolescência em face do amadurecimento. Na trama, Greg tem apenas um amigo, Earl, com quem passa o tempo livre jogando videogame e (re)criando versões bastante pessoais de clássicos do cinema, até a sua mãe decidir que ele deve se aproximar de Raquel, colega de turma que sofre de leucemia. Contrariando todas as expectativas, os três se tornam amigos e vivem experiências ao mesmo tempo tocantes e hilárias, narradas com incrível talento e sensibilidade.
Yaqui Delgado Wants to Kick Your Ass
Uma garota surge de repente no caminho da adolescente Piddy Sanchez para avisá-la de que Yaqui Delgado vai acabar com ela. Piddy acabou de mudar de escola e nem faz ideia de quem seja Yaqui, muito menos do que pode ter feito de tão errado para apanhar. Mas Yaqui sabe quem ela é, e a odeia.Piddy Sanchez não tem descanso. Ser filha de uma imigrante cubana nos Estados Unidos e crescer sem pai já era bem difícil sem ter alguém a odiando. No ensino médio da nova escola, seu corpo atraente desperta tanto os olhares dos meninos quanto o da esquentada Yaqui, que começa atacando a novata com ameaças cruéis, mas demonstra ser capaz de muito mais que isso, tornando a vida de Piddy um verdadeiro inferno dominado pelo medo. Denunciar Yaqui não é uma opção. Fugir não adianta. O importante agora é sobreviver
A Idade dos Milagres
Em um sábado aparentemente comum, na Califórnia, Julia e sua família acordam e descobrem, com o resto do mundo, que a velocidade de rotação da Terra está diminuindo. Os dias e as noites vão ficando mais longos, fazendo que a gravidade seja afetada e o meio ambiente entre em colapso. Pássaros desorientados caem mortos do céu, centenas de baleias encalham na praia, as marés saem de controle. Enquanto alguns entram em pânico, outros procuram viver como se nada estivesse acontecendo, agarrando-se a qualquer custo à sua rotina e ignorando a evidência de que o fim do mundo se aproxima.
Ao mesmo tempo que luta para se adaptar à nova “normalidade”, Julia tem que lidar com os problemas típicos da adolescência e os desastres do cotidiano: a crise no casamento de seus pais, a perda de antigos amigos, as amarguras do primeiro amor e o estranho comportamento de seu avô, que acredita que tudo se trata de uma conspiração do governo e passa os dias catalogando suas posses obsessivamente.


message 6: by Paula (new)

Paula Cruz (paulacruz) | 141 comments gente, só pra registrar aqui no goodreads também os livros que sugeri!

Ficção histórica indico

Terra Sonâmbula by Mia Couto
Terra sonâmbula de mia couto

O Rei do Inverno by Bernard Cornwell
As crônicas de Arthur - o rei do inverno de Bernard Cornwell


message 7: by Paula (new)

Paula Cruz (paulacruz) | 141 comments De Young adult quero indicar três:

Por Lugares Incríveis by Jennifer Niven
Por lugares incríveis de Jennifer Niven


Outro Dia (Todo Dia, #2) by David Levithan
Outro dia de David Levithan

Nick & Norah's Infinite Playlist by Rachel Cohn
Nick and Norah infinite playlist de David Levithan


message 8: by André (new)

André Caniato (vardamir) | 421 comments Pessoal, fechando o tópico! Vocês podem votar aqui para YA e aqui para Ficção Histórica.


back to top
This topic has been frozen by the moderator. No new comments can be posted.