Só Ler Não Basta discussion

61 views
Discussões de 2013 > Tema de Junho: Bad Romance!

Comments Showing 1-32 of 32 (32 new)    post a comment »
dateDown arrow    newest »

message 1: by Telma (new)

Telma (telmixa) | 133 comments Mod
Olá a todos!
Decidimos revelar o tema deste mês um pouco mais cedo que o habitual.

A verdade é que com o Verão vem a "silly season" e havia um tema "silly" no qual já falávamos entre nós as três há algum tempo: dedicar um Só Ler não Basta aos Romances Românticos. Mas como podem ver pelo título do tópico, o programa será tudo menos inocente!

Daqui até lá contamos com a vossa colaboração.

Abrimos 4 categorias a votação, às quais podem acrescentar as vossas hipóteses, comentar, fazer equipas, gritar pelos vossos favoritos, espernear, etc.

Votem até ao final do mês, altura em que iremos revelar em directo os vencedores em cada uma das categorias.

Qual é o vosso herói romântico favorito?
http://www.goodreads.com/poll/show/85270

Qual é a vossa heroína romântica favorita?
http://www.goodreads.com/poll/show/85271

Qual é o vosso casal Romântico favorito?
http://www.goodreads.com/poll/show/85272

Qual é o vosso Romance Romântico favorito?
http://www.goodreads.com/poll/show/85273


message 2: by Diana Marques (new)

Diana Marques | Papéis e Letras (diana_papeiseletras) | 162 comments Mod
Como diziam ontem na rádio comercial, "muita forte"! :D


message 3: by Joana (new)

Joana Lima (joananetolima) | 9 comments *squeee*


message 4: by Carla (new)

Carla (whitelady) | 68 comments Mod
*faz figas para os seus favoritos ganharem*


message 5: by Joana (new)

Joana Lima (joananetolima) | 9 comments Respondido :D


message 6: by Olinda (new)

Olinda Gil (olindapgil) | 45 comments Por causa do episódio 6.1 e das capas, deixo-vos as maravilhosas capas de Eurico A. Cebolo
https://www.google.pt/search?q=eurico...


message 7: by Telma (new)

Telma (telmixa) | 133 comments Mod
Olinda wrote: "Por causa do episódio 6.1 e das capas, deixo-vos as maravilhosas capas de Eurico A. Cebolo
https://www.google.pt/search?q=eurico......"

Ó Meu Deus Olinda, tu és a MAIOR! Eu lembro-me de ser miúda e descobrir uns livros em casa do meu tio com estas capas e nunca mais vi isto. É um clássico!!


message 8: by Carla (new)

Carla (whitelady) | 68 comments Mod
OMD! Os títulos! Os títulos!!! xD


message 9: by Olinda (new)

Olinda Gil (olindapgil) | 45 comments Os títulos, as capas, imagino o conteúdo.
Em miúda eu tinha livros dele de música, e faziam publicidade aos outros (!) e eu achava aquilo estranho...
Há coisa de uns 2 anos encontrei uma reportagem sobre este senhor numa revista e fui procurar... e realmente, OMG!!! ehheeh
Contudo, sou tão curiosa que gostava de ter 1zinho que fosse. "O falo perdido" é dos que me suscita mais curiosidade.


message 10: by Carla (new)

Carla (whitelady) | 68 comments Mod
Olinda wrote: ""O falo perdido" é dos que me suscita mais curiosidade. "
A mim também! Como é que se perde tal coisa? Onde estará ele?! xD


message 11: by Diana Marques (new)

Diana Marques | Papéis e Letras (diana_papeiseletras) | 162 comments Mod
Oh.Meu.Deus. Mas que relíquias! xD


message 12: by Landslide (new)

Landslide | 21 comments OMD! Essas capas são geniais! E os títulos! Há todo um potencial associado apenas aos títulos. Quero muito ler "Matavam as Freiras Grávidas".
Telma, tu procura-me esses livros em casa do teu tio, rapariga. Essas relíquias têm de ser preservadas!

Agora que já vi o vosso vídeo, já posso comentar, nomeadamente em relação às capas. Concordo com a Telma quando diz que as capas com mulheres e flores vendem em Portugal e, sinceramente não me chateiam por aí além desde que associadas ao que gosto de chamar romances de época sensuais. Já me chateia (e bastante) quando surgem as mulheres e as flores em romances históricos porque não tem mesmo nada a ver e pode fazer com que um excelente livro passe despercebido só por causa da capa. Um exemplo flagrante é O Segredo de Sophia, um dos livros que mais gostei de ler no ano passado, mas cuja capa desvirtua completamente o conteúdo.

Outra coisa que me irrita solenemente é a falta de cuidado na escolha das modelos que colocam nas capas, não havendo, por vezes, o mínimo cuidado em tentar fazer corresponder a fotografia à descrição da protagonista (ex: a capa do primeiro livro dos Bridgertons , Crónica de Paixões e Caprichos, em que a modelo é loura e todos os Bridgertons têm cabelo castanho).
Também me chateia colocarem fotografias contemporâneas em romances de época (ex: Ligeiramente Casados).

Voltando aos Bridgertons, não gosto dos títulos em português. Será que os livros vendiam menos se se chamassem "O Duque e eu", "O Visconde que me amava" e "Uma Oferta de um Cavalheiro"?


message 13: by Olinda (new)

Olinda Gil (olindapgil) | 45 comments Uma verdadeira leitura conjunta seria de uma obra do Eurico A. Cebolo


message 14: by Diana Marques (new)

Diana Marques | Papéis e Letras (diana_papeiseletras) | 162 comments Mod
Olinda wrote: "Uma verdadeira leitura conjunta seria de uma obra do Eurico A. Cebolo"

Olhem, eu estou com a Olinda. Faça-se uma leitura conjunta! xD

Quanto às capas, concordo com a Landslide. Há capas que não têm nada a ver com o conteúdo dos livros e, por causa disso, acho que acabam por afastar leitores de livros que podem ser muito bons, mas cujas capas já enjoam de tanto cliché romântico como flores, mulheres, coisas cor-de-rosa e purpurinas...


message 15: by Olinda (new)

Olinda Gil (olindapgil) | 45 comments Diana wrote:

Olhem, eu estou com a Olinda. Faça-se uma leitura conjunta! xD

"


O pior é arranjar os livros!


message 16: by Carla (new)

Carla (whitelady) | 68 comments Mod
Há alguns livros do Cebolo, parece-me, nas bibliotecas municipais de Lisboa! \o/

Diana wrote: "acabam por afastar leitores de livros que podem ser muito bons, mas cujas capas já enjoam de tanto cliché romântico como flores, mulheres, coisas cor-de-rosa e purpurinas..."
E agora vêm com bolsinhas e potpourri... *revira os olhinhos*


message 17: by Olinda (new)

Olinda Gil (olindapgil) | 45 comments Whitelady3 wrote: "Há alguns livros do Cebolo, parece-me, nas bibliotecas municipais de Lisboa! \o/
"


Hei-de ver se há alguma coisa p aqui


message 18: by Mafi (new)

Mafi | 5 comments Olá =)

Não posso deixar de concordar em relação às capas...estou farta de me queixar à SDE por causa dos livros da Nora Roberts..eu adoro a autora mas já não há pachorra para tanta mulher e flor numa só capa! É que se nem pode dizer: aquele livro da Nora..que tem uma mulher na capa..porque (quase) todas têm! -.-

Mas segundo um dos responsáveis da SDE, estas capas vendem...e muito! Mas sinceramente já começam a parecer catálogos de florista do que capas de livros, o que vale é que por vez o conteúdo agrada-me e já não me sinto tão chateada com as capas cheias de flores x)


Mas entre capas cor de rosa e as do Cebolo, mil vezes as primeiras xD


message 19: by Telma (last edited Jun 20, 2013 02:00AM) (new)

Telma (telmixa) | 133 comments Mod
Pegando no exemplo que a Landslide deu, O Segredo de Sophia, posso dizer que apenas o comprei porque o me recomendaram. Considerando a capa portuguesa eu nunca o compraria.

O 1º exemplo é a capa portuguesa, e a 2ª é a capa inglesa, muito mais bonita:
O Segredo de Sofia The Winter Sea

Também temos esta nova onda de capas estilo "Fifty Shades" que já começam a enjoar.
As minhas favoritas são sempre aquelas que são fieis à história (claro) e cuja côr de cabelo é igual à das personagens que retratam (tal como disse a Landslide) mas principalmente as que tenham um casal na capa. Ter só um homem ou só uma mulher ou só um sapato ou flores a mim não me diz absolutamente nada como "romance".

Mafi,
Já que falaste em Nora Roberts, gostava de falar um pouco nela e no sucesso que ela tem em Portugal, que é muito! Confesso que é uma autora que nunca li mas acho que era injusto dedicar um programa a romances sem falar um pouco na Nora Roberts e no seu sucesso em Portugal.

Há também outros temas/clichés além das capas que eu gostava de saber a vossa opinião e preferências, nomeadamente:
1 - Donzela em perigo ou heroína desembaraçada?
2 - Homem másculo e dominante ou inteligente e persuasivo?
3 - Rapariga virgem (mesmo no Séc. XXI) ou isso não interessa nada?
4 - Docemente apaixonados ou sofrer terrivelmente por amor?
5 - Qual é o vosso enredo favorito?
a) Em perigo iminente;
b) presos a um casamento ou promessa ou
c) vítimas de uma vingança, sociedade ou maldição.
d) Outro. Qual?
6- Há algum romance que tenham lido que considerem mesmo mau que usem como exemplo de "bad romance"?
7- Qual é a vossa opinião sobre as cenas de sexo: gostam de pouco, médio ou muita descrição? Ou depende do romance?
8 - Sugira um actor/actriz para um herói/heroína romântico(a).


Ok, para quebrar o gelo do meu próprio questionário vou começar por responder às perguntas:

1 - Heroína desembaraçada, sempre! Se bem que as donzelas em perigo podem ser bem divertidas e não me enervam muito mas são aquelas que lutam sem baixar os braços e não esperam por serem salvas que fazem o meu coração feliz.
2 - Inteligente e persuasivo, com músculos.
3 - Isso não interessa nada e a pergunta nem devia existir mas ela está aqui por uma razão. :)
4 - Sofrer terrivelmente.
5 - b) presos a um casamento ou promessa. Não sei porquê, provavelmente porque era o tema dos primeiros romances que li. Acho piada como é que aceitam sempre tal condição QUANDO se odeiam e não querem estar casados e fazem sexo QUANDO não se podem nem ver. Diverte-me imenso.
6 - Sim, chama-se Sexy Devil e foi o pior Romance Paranormal que já tive o desprazer de ler.
7 - Gosto de muita descrição em poucas cenas de sexo depois de as personagens terem sofrido muito para ficarem juntas.
8 - Estou a ler agora o O Filho de Thor - Volume 1 que não é romance romântico mas tem um pouco de romance (sim!!) e imaginei o Alexander Ludwig, o rapaz que fez de Cato em Hunger Games, como Eyvind, o Pele-de-Lobo.

Alexander Ludwig


message 20: by Olinda (new)

Olinda Gil (olindapgil) | 45 comments Nos textos românticos que escrevo tenho tendência, na personagem masculina, para o anti-herói, só que em vez de bad boy,normalmente sigo para o "parvo".


message 21: by Diana Marques (last edited Jun 20, 2013 01:50AM) (new)

Diana Marques | Papéis e Letras (diana_papeiseletras) | 162 comments Mod
Ora então aqui vão as minhas respostas:

1- Também prefiro uma heroína desembaraçada. Uma mulher com personalidade forte, que se afirme na história. Gosto, principalmente, quando ela é desembaraçada mas a personagem masculina da história tenta à força toda salvá-la do que quer que seja. Cria uma dinâmica engraçada.
2- Homem másculo com inteligência e algo persuasivo. Gosto dos "alpha males" jeitosos, musculados, armados em macho mas com cérebro. Homens inteligentes, algo misteriosos e com cabedal \0/
3- O facto de ser virgem ou não, acho que não interessa. O que me apela é a personalidade dela e a interacção com a personagem masculina.
4- Eu acho que aqui, em ambos os casos, o perigo é cair na lamechice. Mas gosto mais quando sofrem terrivelmente.
5- Hum... acho que vou pela c) vítimas de uma vingança, sociedade ou maldição. Gosto de personagens que estão à margem, por algum motivo, e que acabam por encontrar o amor em situações mais difíceis, quando tudo está contra eles.
6- Opá, vão-me matar, mas... O Monte dos Vendavais. Não pude com aquelas personagens nem só um bocadinho! Não consegui sentir ali nenhuma empatia para com elas ou entre elas. Detestei o livro...
7- Quando são bem escritas, gosto das descrições de cenas de sexo, mas que sejam q.b. Se o livro for só sexo, também enjoa...acho eu :P Normalmente, acho que fazem mais sentido quando o casal já passou por bastantes coisas para ficarem juntos.
8- Ai meu deus, que nunca mais saía daqui... Para herói: Henry Cavill. Sim, não consigo tirar o homem da cabeça por causa desta lócura toda do Super-Homem. Se não fosse ele, o Tom Hiddleston... *fangirla um bocadinho* Para heroína, talvez a Kate Winslet. Não sei porquê, imagino sempre romances históricos e ela fica muito bem nesses papéis. Além disso, consegue fazer papéis de mulheres fortes e determinadas, mas também sensíveis.


message 22: by Landslide (new)

Landslide | 21 comments As minhas respostas:

1 - Heroína desembaraçada, sem dúvida. Gosto de heroínas fortes que, mesmo face a grandes contrariedades, arregaçam as mangas e não desistem. Adoro mais ainda quando são elas que acabam por os salvar a eles!
2 - Um bocadinho de tudo em doses ponderadas. Tem de ser inteligente e persuasivo, mas não me chateia nada que também seja másculo. A parte do dominante é que já dispenso, prefiro que seja só bastante persuasivo.
3 - A mim não interessa nada, mas parece ser uma tendência nos romances que leio. Num que li recentemente até conseguiram que a heroína que, supostamente era viúva e tinha um filho, afinal fosse virgem *revira os olhinhos*
4 - Gosto de ambos. Mas quando sofrem terrivelmente por amor, os romances são sempre mais memoráveis.
5 - Esta não é muito fácil de responder porque não sei se tenho propriamente um favorito. Qualquer dos enredos me atrai se a história for bem escrita e credível.
6- Obrigada Diana! Estava aqui a moer as ideias e não me lembrava de nenhum até que li a tua resposta. Concordo a 100% com O Monte dos Vendavais. Também não gostei do livro nem das personagens nem da história de "amor". Não só não criei empatia com as personagens, como lhes ganhei raiva!
7- Depende do romance. Em alguns não faz falta nenhuma, noutros complementa perfeitamente a história. Mas tem de ser um complemento e não o fundamental da história, senão para mim, perde-se o romance.
8 - Durante muito tempo o meu herói romântico foi o Colin Firth, mas como agora provavelmente já lhe dariam o papel de pai da heroína, o Benedict Cumberbatch ou o James McAvoy. Para heroína, a Romola Garai ou a Emma Watson.


message 23: by Sara (last edited Jun 21, 2013 02:55AM) (new)

Sara | 9 comments 1 - Eu prefiro a heroína desembaraçada, mas acho que mesmo as heroínas mais desembaraçadas e independentes podem ter momentos em que precisam de ser salvas. Aliás, o que mais detesto, depois das heroínas passivas que ficam à espera do seu cavaleiro andante, são as heroínas desembaraçadas que se 'recusam' a aceitar a ajuda do herói só para não parecerem fracas. >_<

2 - Definitavemente, o homem másculo, inteligente e persuasivo. O dominante não me incomoda desde que não seja exagerado e saiba 'virar a casaca' para submisso de vez em quando. Em outras palavras: um homem equilibrado, que não toque nos extremos génio/burro, monte-de-músculos-super-forte/franganote, macho-alfa-dominante/submisso-em-tudo.

3 - A virgindade física não me incomoda nem deixa de incomodar. E que tal a virgindade emocional, quando elas tiveram namorados mas nunca estiveram de facto apaixonadas, porque ainda não conheceram o herói?

4 - Haverá meio termo entre 'docemente apaixonado' e 'sofrer terrivelmente por amor'? Não que seja contra estes dois extremos, de vez em quando é agradável, mas farto-me quando é só agonias ou só flores.

5 - Confesso que estou um bocado farta dos perigos iminentes, seja em romances ou outros: há sempre qualquer coisa que vai mudar o mundo para sempre, ou destruí-lo, ou alguém que vai morrer, ou uma família, se o herói/heroína falharem na sua missão. Não gostando da palavra vítima, admito que me atraiem bastante as histórias onde as regras da sociedade espartilham as acções das personagens. Gosto de seguir as lutas para ultrapassar essas dificuldades (as quais podem incluir casamentos, promessas e vinganças). As maldições gosto, mas acho que também estão um bocado abusadas, pois normalmente surgem emparelhadas com um perigo iminente.

6- Eu tenho memória selectiva: gosto de apagar tudo o que desperdiça espaço, como sejam memórias de más leituras. : )

7- O sexo depende do romance, sim. No meu entender, romances românticos precisam de cenas de sexo explícitas, as primeiras mais descritivas, as restantes mais suaves. Mas mais importante do que a quantidade de descrição é a representação do sexo: cor-de-rosa e romântico, sim, mas sem abdicar de uma certa dose de realidade: quando todo o sexo é perfeito, em que tanto ela como ele sabem precisa e exactamente o que vai dar o máximo de prazer ao parceiro, acabo por desligar e saltar todas as restantes cenas. Noutros romances em que cenas de sexo apareçam, espero que seja menos descritivo, mas acima de tudo que seja mais realista (os romances românticos têm o próprio género como desculpa para serem mais cor-de-rosa, os outros não).

8 - Infelizmente não sou muito versada em actores/actrizes, e também não tenho um imagem fixa para heroína romântica... Hmm... Para herói, alguém com o corpo bem tonificado, não necessariamente musculoso mas sem flacidez. Para heroína, um corpo esbelto ou roliço (nada de magricelas ossudas).


message 24: by Teresa (last edited Jun 21, 2013 03:09AM) (new)

Teresa (teresa_costa) | 7 comments 0 - Capas floridas: sinceramente não sei o que considero mais irritante a languidez das posses e as flores, ou os olhares intensos (porque também os há no estilo "Fabio"). Eu tento não olhar muito para as capas, mas suponho que as flores são mais para que os outros não pensem que estamos a ler coisas escabrosas. o_O
Jogos na Noite (Predador da Noite, #6) by Sherrilyn Kenyon

1 - Donzela em perigo ou heroína desembaraçada? Fartei-me das donzelas em perigo, mas as heroínas desembaraçadas tendem a ser coisinhas irritantes que simplesmente invertem um pouco os papéis tradicionais. No final, contudo, ela deve sempre aprender a entregar-se ao homem (porque, bem no fundo, toda a mulher forte quer apenas um homem em que se pode apoiar para lhe tratar de tudo >_<). Gostava de ler um livro com uma heroína realmente desembaraçada na actualidade, em que o par romântico não vivesse apenas para a fazer feliz.

2 - Homem másculo e dominante ou inteligente e persuasivo? - Inteligente e persuasivo com um corpinho másculo. Mas, por favor, sem mais corpos divinos. Parece que eles são todos culturistas... Vocês sabem que, para ter aqueles corpinhos com os músculos todos salientes eles não se limitam apenas a viver no ginásio, mas também seguem dietas rígidas? LOL, imaginem o nosso herói num jantar romântico e a explicar que não, não pode comer mais do que 100g de arroz ou algo do género para não estragar a figura.

3 - Rapariga virgem (mesmo no Séc. XXI) ou isso não interessa nada? Interessa se for romance romântico e o vilão quiser apenas o prémio, seduzindo-a para depois a abandonar ao improprério da sociedade. Depois, aparece o herói que ignora a sociedade, não desfazendo na nossa heroína só porque ela não é virgem. Entretanto, já ela demonstrou a sua força para erguer a cabeça e tentar construir uma vida decente após as ilusões da juventude terem sido destruídas pelo vilão! :) De resto, prefiro que não sejam virgens. Estou farta de heroínas que se rendem ao homem que lhes está a ensinar a ter prazer pela primeira vez. É tão... cheap Pygmalion.

4 - Docemente apaixonados ou sofrer terrivelmente por amor? Tanto faz, desde que não seja lamechas. Se sofrem terrivelmente talvez a coisa tenha um pouco de acção? Infelizmente, tendem a cair no lamechas e nas inseguranças ou nos ciúmes infundados/desproporcionados.

5 - Qual é o vosso enredo favorito?
d) Outro. Qual?
Parceria, por exemplo no trabalho. As vicissitudes do dia-a-dia começam, a pouco e pouco, a fazer crescer o amor mas as personagens só se apercebem mais tarde. Estilo a maioria das séries desde os Ficheiros Secretos . :) PS: obviamente, isto pede por coleccções longas. Um dos meus exemplos favoritos é a colecção de romances detectivescos Lord Peter da Dorothy Sayers. Um dos últimos da colecção tem a cena mais... excitante? que já li. Nada tem a ver com sexo, é só a descrição da outra personagem e, quando a observadora é apanhada em flagrante, a reacção subtil, em que ambos se ignoram com receio de dizer a coisa errada. Acho que nunca li nada tão realista dada a situação das duas personagens.
Gaudy Night (Lord Peter Wimsey, #12) by Dorothy L. Sayers (Gaudy Night)

6- Há algum romance que tenham lido que considerem mesmo mau que usem como exemplo de "bad romance"? Definitivamente Jogos na Noite da colecção Predadores da Noite (ou algo do género) da Sherrilyn Kenyon. Li um comentário a explicar que o livro era mesmo bom porque mostrava em vez de descrever. o_O Talvez as repetitivas tiradas de "como é que aquela escultura grega consegue gostar de mim, uma gorda! Ó meu Deus!" e "olhar perigoso que a queria devorar" se tornem mensagens subliminares para alguns leitores? Um excelente exemplo de duas persoangens (masculina e feminina) extremamente fortes e cheias de insegurança, batendo-se mentalmente por colocarem a hipótese da história de amor ir ter um desfecho feliz porque é bom demais para ser verdade e duvidando continuamente do outro que está, obviamente, louco por eles (mas porque gosta ele/ela de mim!?). Felizmente dá para rir com a colecção de personagens com comportamentos estilo fan-fiction e podemos saltar parágrafos sem receio porque as descrições e as inseguranças se repetem imenso.

7- Qual é a vossa opinião sobre as cenas de sexo: gostam de pouco, médio ou muita descrição? Ou depende do romance? Gosto de muito se for bem feito, não repetitivo e com muito para além do sexo (intriga, uma história interessante). De um modo geral, contudo, tendo a preferir aqueles que têm pouco sexo porque a maioria das vezes é sempre igual e eu farto-me de ler repetições; prefiro com mais ênfase no foreplay.

8 - Sugira um actor/actriz para um herói/heroína romântico(a). Credo, esta é difícil... Um dos meus pares românticos preferidos é (agora vou contra a maré, já percebi), é Heathcliff e Catherine em o Monte dos Vendavais (Wuthering Heights). Trata-se de um exemplo de paixão destrutiva em duas pessoas egoístas que não olham a meios para obterem o que querem. O engraçado é que Heathcliff não se importava de ser o escravo de Catherine (uma das minhas reclamações em romances com mulheres pseudo-forte), e só se revolta quando ela decide afastar-se dele para casar com o homem de sociedade perfeito para a época. Não há nenhum filme que tenha conseguido captar a essência deste livro, no meu entender, porque não tem nada do romantismo que uma pessoa procura num livro romântico - é apenas um retrato da crueldade de duas personagens, crueldade essa exacerbada pela paixão. Enfim, gosto porque quebra com qualquer estereótipo. Agora, actores...
Não sei bem como pôr aqui imagens, mas ficam os nomes: Taylor Lautner com 10 anos em cima e ar de mau; Kristen Stewart com um ar arrogante de quem é melhor do que todos.


message 25: by Sara (last edited Jun 21, 2013 03:08AM) (new)

Sara | 9 comments Mafi wrote: "...estou farta de me queixar à SDE por causa dos livros da Nora Roberts..eu adoro a autora mas já não há pachorra para tanta mulher e flor numa só capa! (...) Mas segundo um dos responsáveis da SDE, estas capas vendem...e muito!"

Mas serão mesmo as flores nas capas que vendem, ou o nome da autora? Será que se pusessem a mesma mulher junto a um elemento importante na história (por exemplo, um monumento que represente o local onde se passa a história, etc.) as vendas íam por aí abaixo? Será que eles chegam a fazer experiências e estudos de mercado ou é o pessoal do design que diz, 'bem a fórmula tem resultado, portanto seguimos em frente até haver um cataclismo que nos force a mudar.'

Pessoalmente, concordo em relação à presença de uma mulher na capa como atractiva para o público feminino, mas a fixação com as flores como atractivo de leitoras parece-me um exagero. Na verdade, o único livro de Nora Roberts que comprei foi porque não tinha flores. E só um forte interesse prévio num livro específico me levaria a pegar num livro que tenha flores na capa.


message 26: by Teresa (new)

Teresa (teresa_costa) | 7 comments Landslide wrote: "Será que os livros vendiam menos se se chamassem "O Duque e eu", "O Visconde que me amava" e "Uma Oferta de um Cavalheiro"? "

Concordo que, por vezes, as traduções dos títulos, supostamente para potenciar vendas, sejam coisas muito desenxabidas.


message 27: by Patrícia (new)

Patrícia | 18 comments 1 - heroína desembaraçada, claro. As donzelas em perigo são tão "sem sal"..
2 - inteligente, divertido, companheiro. mas claro que isso não faz um grande livro

3 - Rapariga virgem? isso não interessa mesmo nada

4 - Docemente apaixonados não faz um bom livro, a não ser que sejam um casal secundário. Mas o sofrimento por amor também não tem grande piada. Que tal um amor desencontrado?

5 -Outro qualquer, excepto os clichés....

6- 90% dos romances românticos são péssimos. Salvam-se os clássicos. Amo o "orgulho e preconceito" , o Conde de Monte Cristo e acho os romances "tipo" Nora Roberts péssimos. São todos iguais, mudam as personagens e já está. São harlequins em ponto grande.

7- As cenas de sexo devem ser contextualizadas. Basicamente depende do livro. um livro pode ser óptimo e ter uma (ou mais cenas de sexo). Dificilmente um livro pode ser bom se for construído à volta de cenas de sexo.

8 - Não consigo, sinceramente. Quando leio um livro "conheço" os personagens mas não os consigo imaginar como alguém real.

Posto isto, devo dizer que ando na fase menos romântica da minha vida "literária". Não tenho paciência para livros todos iguais, construídos à volta do romance. Mas já gostei e diverti-me imenso a ler inúmeros romances.
na vossa pool faltava o meu casal favorito... O Bran e a Liadan, do "o filho das sombras" da Juliet Marillier.


message 28: by Telma (new)

Telma (telmixa) | 133 comments Mod
Patrícia wrote: "na vossa pool faltava o meu casal favorito... O Bran e a Liadan, do "o filho das sombras" da Juliet Marillier. ."

Podes adicionar e votar neles :)
E Marillier ♥


message 29: by Sara (new)

Sara | 9 comments Patrícia wrote: "Que tal um amor desencontrado?"

Parece-me uma boa sugestão. : )


message 30: by Mafi (new)

Mafi | 5 comments Sara wrote: " Será que eles chegam a fazer experiências e estudos de mercado ou é o pessoal do design que diz, 'bem a fórmula tem resultado, portanto seguimos em frente até haver um cataclismo que nos force a mudar.'"

Pelo que me disseram, tentaram isso com a trilogia do Círculo:

A Cruz de Morrigan (Trilogia do Círculo, #1) by Nora Roberts O Vale do Silêncio (Trilogia do Círculo, #3) by Nora Roberts O Baile dos Deuses (Trilogia do Círculo, #2) by Nora Roberts

E deram a entender que apesar de ter vendido, não vendeu tão bem como as outras trilogias e livros da autora. Por isso na trilogia a seguir voltaram às mulheres e flores:
Irmãos de Sangue by Nora Roberts Ritual de Amor by Nora Roberts


Quanto ao questionário:
1 - Donzela em perigo ou heroína desembaraçada?
Heroína desembaraçada. Gosto delas todas para a frentex. =)

2 - Homem másculo e dominante ou inteligente e persuasivo?
Ultimamente ando um bocado farta dos alpha males, seja em que género for (romântico, contemporâneo ou sobrenatural) portanto inteligente e persuasivo.

3 - Rapariga virgem (mesmo no Séc. XXI) ou isso não interessa nada?
Não interessa mesmo nada..

4 - Docemente apaixonados ou sofrer terrivelmente por amor?
Docemente apaixonados.. credo já chega de romeus e amores de perdição! :P

5 - Qual é o vosso enredo favorito?
Não tenho enredo favorito, desde que me prenda. Até pode ser um dos piorzinhos da Harlequin mas desde que goste do que estou a ler é suficiente.

6- Há algum romance que tenham lido que considerem mesmo mau que usem como exemplo de "bad romance"?
Sim. How to Tempt a Duke (Daughtry Family, #1) by Kasey Michaels li em pt (edição da Harlequin). Eu já desconfiava que era mau mas não sabia que era tão mau! arrependi-me de ter dado 2€ por ele.

7- Qual é a vossa opinião sobre as cenas de sexo: gostam de pouco, médio ou muita descrição? Ou depende do romance?
Independentemente do romance, não gosto com muita descrição. ou pelo menos não gosto com muita descrição e linguagem vulgar.

8 - Sugira um actor/actriz para um herói/heroína romântico(a).
Ui não sei... não sou muito cinéfila. :P


message 31: by Diana Marques (new)

Diana Marques | Papéis e Letras (diana_papeiseletras) | 162 comments Mod
Olá a todos! Já fizemos o upload do vídeo relativo a este tema. Podem vê-lo aqui no grupo, na secção dos vídeos ou directamente, aqui: https://www.youtube.com/watch?v=e0Ky6...


message 32: by Telma (new)

Telma (telmixa) | 133 comments Mod
No sumário do vídeo não coube os links para os livros que mencionámos no vídeo e por isso deixo aqui no tópico os links para os sites e os livros que mencionámos:

Bad Romances - http://wtfbadromancecovers.tumblr.com/
Capas portuguesas vs originais http://sempreensonada.tumblr.com/post...
Where is the hymen? - http://smartbitchestrashybooks.com/bl...
Romance Novel Plots - http://tvtropes.org/pmwiki/pmwiki.php...
How racy is racy? Exploring levels of sensuality in romance novels - http://torimacallister.wordpress.com/...

Livros da Lauren Willig - http://www.goodreads.com/series/40361...
Where the Heart Is
Ladyhawke
Nine Rules to Break When Romancing a Rake
Série Bridgertons - http://www.goodreads.com/series/40393...
Série do Iron Seas - http://www.goodreads.com/series/51381...
Outlander
Série Parasol Protectorate - http://www.goodreads.com/series/46888...
Sugestões da Jen7Waters para Bridgertons - http://www.goodreads.com/review/list/...


back to top