Leandro Guimarães's Reviews > O Jardim das aflições

O Jardim das aflições by Olavo de Carvalho
Rate this book
Clear rating

by
6227977
's review
May 14, 2017

really liked it
Recommended to Leandro by: Felipe Sabino
Recommended for: Leandro Bachega

Um tour de force falho mas intereßante, provocativo e revelador das deficiências braſileiras, tanto em ſuas qualidades quanto em ſeus defeitos. Muitas boas percepções sobre o atual fim de civilização e ſuas raízes deſde Roma pagã, paßando pelo medievo e pela modernidade; mas profundamente prejudicado por uma cavalar ignorância hiſtórica, complicado por uma cataſtrófica credulidade nos poderes de ſociedades ſecretas e ſimilares, o que moſtra uma preocupante diſposição de buſcar explicações fáceis em vez de entender as correntes profundas de noßa civilização.

Parece-me que, em comum com quaſe todo o reſto do Braſil, eßas deficiências filoſóficas vêm de uma converſão pela metade: ateu tornado romaniſta, de Carvalho ainda continua buſcando uma ſabedoria mundana, ecumênica, comum a todas as grandes religiões, contra a decadência civilizacional, ſem perceber que o romaniſmo, uma forma de criſtopaganiſmo, faz parte da decadência da criſtandade, afaſtando-ſe da Palavra do Eſpírito Santo nas Eſcrituras & recuſando a Reforma — meſmo a magiſtral, que ſe dirá da radical.

Em comum com os ateus, a tremenda ingenuidade hiſtórica e cultural do autor chega às raias do abſurdo, não apenas atribuindo à maçonaria o motor da ſecularização — confundindo aßim um pequeno efeito com a cauſa profunda — como dando a um inexiſtente bloco rußo-chinês um protagoniſmo que ſua catáſtrofe demográfica nega inapelavelmente. Baſtava ter lido alguns artigos do David Paul ‘Spengler’ Goldman) para ter-ſe inſtruído, em vez de ler maçons e rußos com manias de grandeza. Ißo remete a outro ſintoma de noßas deficiências: cavaleiro ſolitário, de Carvalho carece da comunidade de penſamento e crítica que caracteriza os judeus e criſtãos fiéis, e eſpecialmente os reformados, da civilização norte-européia (mundo angloßaxão & europeu), que agora eſtão conſeguindo começar a formar paulatinamente filhotes no mundo proteſtante africano, ſulamericano e aſiático, eſpecialmente coreano & chinês, com ſeu mirabolante projeto ‘De volta a Jeruſalém’.

O que realmente é ridículo é a falta de ſenſo de proporção na opinião que de Carvalho parece ter de ſi, até inſiſtindo em ſua crença na aſtrologia, e o culto à perſonalidade que fomenta entre ſeus ſeguidores, meſmo alguns reformados. Compreenſível dado que preenche uma lacuna no cenário braſileiro, mas triſte em que moſtra que não eſtão lendo os judeus, criſtãos & eſpecialmente reformados angloßaxões & europeus.

Ainda aßim intereßante, talvez até neceßário ao Braſil. Eſpero que ſirva de incentivo a que ſeus leitores buſquem Jean-Marc Berthoud, Rousas John Rushdoony, João Calvino, Pierre Viret & outros reformados cujos nomes agora me fogem.
4 likes · flag

Sign into Goodreads to see if any of your friends have read O Jardim das aflições.
Sign In »

Reading Progress

May 14, 2017 – Started Reading
May 14, 2017 – Shelved
May 14, 2017 –
page 16
3.45%
May 14, 2017 –
page 28
6.03%
May 15, 2017 –
page 32
6.9%
May 16, 2017 –
page 48
10.34%
May 17, 2017 –
page 60
12.93%
May 17, 2017 –
page 68
14.66%
May 18, 2017 –
page 84
18.1%
May 20, 2017 –
page 105
22.63%
May 25, 2017 –
page 130
28.02%
May 26, 2017 –
page 140
30.17%
May 27, 2017 –
page 150
32.33%
May 27, 2017 –
page 160
34.48%
May 28, 2017 –
page 170
36.64%
May 31, 2017 –
page 190
40.95%
June 1, 2017 –
page 200
43.1%
June 3, 2017 –
page 210
45.26%
June 4, 2017 –
page 220
47.41%
June 5, 2017 –
page 230
49.57%
June 5, 2017 –
page 240
51.72%
June 7, 2017 –
page 250
53.88%
June 10, 2017 –
page 270
58.19%
June 11, 2017 –
page 280
60.34%
June 13, 2017 –
page 290
62.5%
June 16, 2017 –
page 300
64.66%
June 18, 2017 –
page 310
66.81%
June 21, 2017 –
page 320
68.97%
June 24, 2017 –
page 340
73.28%
June 26, 2017 –
page 350
75.43%
June 27, 2017 –
page 360
77.59%
June 29, 2017 –
page 370
79.74%
June 30, 2017 –
page 390
84.05%
July 4, 2017 –
page 400
86.21%
July 4, 2017 –
page 410
88.36%
July 5, 2017 – Finished Reading

Comments (showing 1-3 of 3) (3 new)

dateDown arrow    newest »

message 1: by Mauricio (new) - added it

Mauricio Simões Leandro, seu texto veio com vários caracteres trocados. Parece que o seu GoodReads está configurado para o alemão ou algo assim. Aparece "intereßante" (ß no lugar do ss) e "Braſil" (ſ no lugar do s) em todas as palavras.


Leandro Guimarães Propoſitalmente. Aliás, é configuração de teclado no Debian GNU/Linux, o Goodreads nada tem a ver com ißo; e o ſ realmente é um s início-medial, e o ß é a ligatura ſs.


message 3: by Mauricio (new) - added it

Mauricio Simões Ahhh, entendi. É a sua "aßinatura". :) Valeu!


back to top