Rosa Ramôa
Rosa Ramôa asked Manuel Alves:

Olá Manuel Alves...Na tua página do face escreveste que não escrevias para ninguém e que consideravas uma 'bênção' haver algumas pessoas a ler-te...Neste contexto,pergunto para que queres responder às nossas perguntas se não escreves para nós? Obrigada pela resposta,independentemente do conteúdo que possa ter...*

Manuel Alves Olá, Rosa. :)

Quando digo que não escrevo para ninguém, significa que não crio as histórias com a perspectiva rígida de um público-alvo em mente. Escrevo histórias que eu gostaria de ler (pelo menos, no momento em que as escrevo; certos gostos transformam-se com o passar do tempo). A partir do momento da publicação, as histórias é que encontram o público-alvo (e/ou vice-versa). Quando muito, adequo o registo de escrita às particularidades do género literário de cada história. É a velha máxima de que, em certos casos, é tão relevante o que se diz como o modo de o dizer.

De facto, é uma bênção haver algumas pessoas a ler aquilo que escrevo. O significado desta afirmação é óbvio. Quem lê, gosta (ou não) pela honestidade que coloco nas palavras, a honestidade daquilo que pretendo transmitir sem o constrangimento de me preocupar com aquilo que será ou não aconselhável/desejável/politicamente correcto, do ponto de vista de qualquer público-alvo. O meu público-alvo (se assim o entendermos) é composto pelas personagens de cada história. A história é escrita para elas. A partir do momento em que publico uma história, aí sim, é para quem quiser ler. É claro que há, na publicação, uma inegável satisfação. Suponho que todos gostamos que outros apreciem as criações às quais dedicamos esforço e dedicação, em suma, uma parte da nossa vida. Pode-se dizer que escrevo para mim e publico para quem gostar de ler (e também para mim, claro).

Por último, respondo às perguntas dos/as leitores/as porque, se dedicam uma parte das suas vidas a ler aquilo que escrevo (a tal bênção) e, depois, mais uns minutinhos a tecer considerações acerca do que leram e a demonstrar interesse em querer saber mais, o mínimo que posso fazer (dentro das possibilidades razoáveis) é tentar responder.

About Goodreads Q&A

Ask and answer questions about books!

You can pose questions to the Goodreads community with Reader Q&A, or ask your favorite author a question with Ask the Author.

See Featured Authors Answering Questions

Learn more