Laurentino Gomes


Born
in Maringá, Brazil
January 01, 1956

Website


É um jornalista e escritor brasileiro. É mais conhecido pela autoria do best-seller 1808 - Como uma rainha louca, um príncipe medroso e uma corte corrupta enganaram Napoleão e mudaram a História de Portugal e do Brasil, onde narra a chegada da corte portuguesa ao Brasil. Em 2008, o livro recebeu o prêmio de melhor livro de ensaio da Academia Brasileira de Letras e o Prêmio Jabuti de Literatura na categoria de livro-reportagem e de livro do ano de não-ficção.

Formou-se em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná, possui pós-graduação em Administração de Empresas pela Universidade de São Paulo, e fez cursos na Universidade de Cambridge, na Inglaterra, e na Universidade de Vanderbilt, nos Estados Unidos da América.

Trabalhou como repórter
...more

Laurentino Gomes isn't a Goodreads Author (yet), but they do have a blog, so here are some recent posts imported from their feed.

A conta dos sonhos ficará no Brasil

(Reproduzo abaixo texto do jornalista Elio Gaspari, que trata do tema do  meu post anterior: a “síndrome do vira-latas” neste nosso Brasil olímpico)


Daqui até o fim dos jogos, centenas de jovens subirão nos pódios, baixarão a cabeça e receberão as medalhas de ouro da Olimpíada do Rio. Serão momentos de sonho, felicidade e alegria. Da alegria dos jovens que sorriam para o mundo durante o desfile dos

Read more of this blog post »
1 like ·   •  0 comments  •  flag
Share on Twitter
Published on August 07, 2016 09:26
Average rating: 4.12 · 9,551 ratings · 582 reviews · 7 distinct worksSimilar authors
1808

4.08 avg rating — 5,109 ratings — published 2007 — 25 editions
Rate this book
Clear rating
1822

4.13 avg rating — 2,507 ratings — published 2010 — 16 editions
Rate this book
Clear rating
1889

4.16 avg rating — 1,296 ratings — published 2013 — 9 editions
Rate this book
Clear rating
Escravidão – Vol. 1 – Do pr...

4.28 avg rating — 618 ratings2 editions
Rate this book
Clear rating
O Caminho do Peregrino: Seg...

by
4.13 avg rating — 15 ratings — published 2015 — 3 editions
Rate this book
Clear rating
Escravidão – Vol. 2 – Da co...

0.00 avg rating — 0 ratings — published 2021 — 2 editions
Rate this book
Clear rating
Ouro, Pó e Bala (Amazônia I...

by
4.67 avg rating — 6 ratings — published 2014
Rate this book
Clear rating
More books by Laurentino Gomes…
1808 1822 1889
(3 books)
by
4.11 avg rating — 8,911 ratings

Upcoming Events

No scheduled events.

“Numa época em que a Revolução Industrial britânica começava a redefinir as relações económicas e o futuro das nações, os portugueses ainda estavam presos ao sistema extrativista e mercantilista sobre o qual tinham construído a sua efémera prosperidade três séculos antes. (...) "Era uma riqueza que não gerava riqueza", escreveu a historiadora Lilia Schwarcz. "Portugal contentava-se em sugar as suas colónias de maneira bastante parasitária.”
Laurentino Gomes, 1808

“Bonifácio trombou com os poderosos interesses dos latifundiários e senhores de escravos ao sugerir a constituinte a proibição do tráfico negreiro e abolição gradual da escravidão no Brasil. Seu projeto, que nem chegou a ser apresentado, compunha-se de um preâmbulo com 22 páginas e 32 artigos intitulado "Representação à Assembleia Constituinte e Legislativa do Império do Brasil sobre a escravatura". Dois anos mais tarde, já no exilio em Paris, Bonifácio explicaria a razão da proposta:

"A necessidade de abolir o comércio de escravatura, e de emancipar gradualmente os atuais cativos é tão imperiosa que julgamos não haver coração brasileiro tão perverso, ou tão ignorante que a negue, ou desconheça. (...) Qualquer que seja a sorte futura do Brasil, ele não pode progredir e civilizar-se sem cortar, o quanto antes, pela raiz este cancro moral, que lhe rói e consome as ultimas potências de vida, e que acabara por lhe dar morte desastrosa."

... O Brasil era escravagista e assim permaneceria por mais 66 anos, até a assinatura da lei Áurea em 1888.”
Laurentino Gomes, 1822

“No dia 16 de novembro, a esquadra inglesa apareceu na foz do rio Tejo, em território português, com uma força de 7 mil homens. Seu comandante, o almirante sir Sidney Smith, tinha duas ordens, aparentemente contraditórias. A primeira, e prioritária, era proteger o embarque da família real portuguesa e escoltá-la até o Brasil. A segunda, caso a primeira não acontecesse, era bombardear Lisboa.”
Laurentino Gomes, 1808 - Edição juvenil ilustrada



Is this you? Let us know. If not, help out and invite Laurentino to Goodreads.