David Pimenta's Reviews > Ilusão Perfeita

Ilusão Perfeita by Jodi Picoult
Rate this book
Clear rating

by
2981365
's review
Aug 10, 2011

liked it
bookshelves: 3-stars, civilizacao-editora
Read in June, 2012

Ilusão Perfeita, traduzido do título original Picture Perfect, foi um dos primeiros livros a ser publicado de Jodi Picoult. Trata-se do seu terceiro, lançado em 1995, de uma vasta lista composta por cerca de vinte obras publicadas até agora. No entanto, a Civilização Editora pegou nas cercas de quatrocentas páginas e traduziu-as unicamente agora.

A minha mente levou-me logo para uma história de busca de identidade da protagonista, de nome Carrie Barrett, uma vez que aparece no início da história com amnésia e no meio de um cemitério. Apesar de dar a imagem de uma pobre coitada que caminha no mundo sem qualquer memória, essa imagem acaba por mudar ao ser encontrada por um dos atores mais conhecidos dos Estados Unidos, Alex Rivers. É uma história de mudanças de imagens. Uma primeira de desolação pela perda de memória, as seguintes pela glorificação da vida graças ao reencontro com uma das celebridades mais poderosas do país, na condição de esposa e as últimas a tocar no alcance da memória recheado de drama e abusos psicológicos e físicos. Ilusão Perfeita traz ao de cima um problema que continua a afetar muitas mulheres e também muitos homens (que só agora é que decidiram fazer ouvir a sua voz sobre os abusos recebidos): violência doméstica. Violência doméstica física e psicológica. Para além do físico, o lado psicológico de uma vítima acaba por ficar mais fragilizado. E um dos pontos que me leva a questionar todas estas vítimas, se forem idênticas a Carrie, é a necessidade de ainda existir amor por uma pessoa que lhes falta completamente ao respeito, que usa as mãos para descarregar a raiva de um dia frustrante, que utiliza a violência como uma forma de excomungar vivências traumáticas do passado. Qual o motivo para continuar a amar uma pessoa que coloca o olho negro, que dá pontapés nas costelas, na barriga? Chamo a isso de obsessão e é com esse adjetivo que classifico a protagonista, que revela-se mais humana do que eu ao dar uma segunda oportunidade a Alex.

Não se trata do melhor livro de Picoult, nem de perto nem de longe. Tenho a seguinte teoria: os primeiros livros da sua carreira ficam aquém das espectativas se existir uma comparação com os mais recentes. Não me prendi à história, não existe um encantamento da escritora em prender os leitores como é capaz de fazer em livros como Para a Minha Irmã, Frágil ou Dezanove Minutos. Fica longe da excelente imagem que tenho da escritora, não o aconselho a quem queira começar a explorar a sua obra.

3/5
flag

Sign into Goodreads to see if any of your friends have read Ilusão Perfeita.
Sign In »

No comments have been added yet.