Joana Augusto's Reviews > The Handmaid's Tale

The Handmaid's Tale by Margaret Atwood
Rate this book
Clear rating

by
4427967
's review
Sep 11, 11

bookshelves: kindle, sci-fi, distopies
Read from August 26 to September 10, 2011

Neste livro temos um regime religioso distopico, em que as mulheres apenas teem valor para procriar. E bastante assustador, principalmente quando nos apercebemos que a transiçao de uma sociedade bastante semelhante a nossa para a mostrada no livro foi levada a cabo de forma bastante rapida e engenhosa, sem grandes manifestaçoes por parte da populaçao.

Durante a primeira metade achei o livro bastante facil de ler, e tive dificuldades em larga-lo. Na verdade queria saber tudo o que se estava a passar e perceber todas as hierarquias e nuances do sistema. Mas a segunda metade e bem mais dificil, quando todas as ideias ja estao estabelecidas e nos falam da transiçao para este sistema. E ai que tudo se começa a tornar desesperante.

Foi um livro dificil de ler, e ha varios momentos que sao murros no estomago. Mas numa boa distopia e suposto isso acontecer. Tanto "1984" como "Never Let Me Go" (as minhas distopias favoritas) sao dificeis de ler em certos momentos e deixam-nos a pensar, tal como "The Handmaid's Tale".

Quero acrescentar que a achei a inclusao do capitulo final (Notas Historicas) um pouco estranho. Ajudou a perceber um pouco mais sobre o sistema, mas preferia que a historia tivesse acabado no ultimo capitulo da Offred.

E, finalmente, achei a escrita da Margaret Atwood muito boa. Todo o livro esta carregado de metaforas belissimas, e dei por mim a sublinhar paragrafos que nem uma louca. Deixo-vos com os meus dois favorito.

"I feel like cotton candy: sugar and air. Squeeze me and I'd turn into a small sickly damp wad of weeping pinky-red."

"We are two-legged wombs, that's all: sacred vessels, ambulatory chalices."
Likeflag

Sign into Goodreads to see if any of your friends have read The Handmaid's Tale.
Sign In »

Reading Progress


No comments have been added yet.