o remorso de baltazar serapião
Enlarge cover
Rate this book
Clear rating

o remorso de baltazar serapião

3.79 of 5 stars 3.79  ·  rating details  ·  327 ratings  ·  36 reviews
A aventura de Baltazar Serapião em reboliço com os seus amores pela formosa Ermesinda, moça com quem vem a casar e por quem se atormenta de ciúmes.
Este é um romance de família e de viagem, em que o estigma de se ter um nome parece explicar à sociedade quem se é e que intenções se tem.
Um romance, que é também uma aventura da linguagem ficcionando um português antigo que,...more
Paperback, 176 pages
Published June 2008 by Quidnovi (first published 2006)
more details... edit details

Friend Reviews

To see what your friends thought of this book, please sign up.

Reader Q&A

To ask other readers questions about o remorso de baltazar serapião, please sign up.

Be the first to ask a question about o remorso de baltazar serapião

Community Reviews

(showing 1-30 of 553)
filter  |  sort: default (?)  |  rating details
Miguel
Folheada a última página, não sei o que considerar e como encarar o que li.

É muito difícil e ingrato dirigirmo-nos com praticidade a o remorso de baltazar serapião , porque o seu conteúdo não é convencional nem agradável para a sociedade moderna. Recordemo-nos que Valter Hugo Mãe contextualizou a obra na Idade Média e que os valores tradicionais desse tempo histórico diferem, em grande parte, dos actuais; a realidade não é a mesma e os códigos morais alteraram-se.

Mas que intenções teve o autor...more
Nuno Alexandre Chaves
Confesso que tive algumas dificuldades em iniciar a leitura deste livro, (vencedor do prémio José Saramago em 2006) visto que nunca tinha lido valter hugo mãe. As dificuldades tiveram sobretudo a ver com a forma como se apresenta o texto do autor, a ausência de maiúsculas, travessãoes, interrogações e exclamações deram-me a ideia de que seria um livro desprovido de emoção encontrei um texto corrido que requer inicialmente uma atenção redobrada. (primeiro estranha-se depois entranha-se) Rapidamen...more
Rosa Ramôa
Um livro grandioso e muito violento para as mulheres.As palavras usadas de uma forma pedagógica de choque!!!
Adorei*
Venceu em 2006 o prémio José Saramago...é só ler e sabemos o porquê!
...ausência de maiúsculas, travessãoes, interrogações e exclamações...
Passado num tempo em que a mulher era um ser ignorante e cuja existência se justificava para servir o macho!As coisas que se fazem pelo dito "amor"...Conceitos!
Desinquietante...

Fátima
Como todos os livros do autor que li até agora, está muito bem escrito. O talento para usar as palavras é inegável. Mas, oh valter hugo mãe, tanto talento podia ser usado em algo menos violento e menos brutal. A violência contra as mulheres no seu pior mas para mim foi demasiado. Senti-me violentada! Decididamente, quem quiser um livro para relaxar não pegue neste.
Bom, tendo começado com 5 estrelas na máquina de fazer espanhóis (esse sim, muito, muito bom, tenho recomendado a toda a gente), 4 no...more
Nuno Ribeiro
Um dos livros mais admiráveis e inspiradores da língua portuguesa. E uma possibilidade de viajar no tempo, através da linguagem, graças ao talento, à imaginação e à intimidade com que Valter Hugo Mãe trabalhou o português. Ainda uma forma de experimentarmos, emocionalmente, como a crueldade opera, com a segurança possível que os livros permitem. Num país que herdou a violência através dos séculos, aqui nos chega uma história que se debruça sobre como é possível maltrata quem está perto e vive de...more
Iceman
Prémio José Saramago 2007, este romance de Walter Hugo Mãe, escrito curiosamente em 2004 mas só agora premiado, situa a acção em Portugal durante o reinado de D. Dinis, logo em plena idade medieval entre os anos 1279 – 1325.

Época brutal e miserável, Baltazar Serapião é o filho mais velho de três (dois rapazes e uma rapariga) que subsistem da agricultura e devem vassalagem a D. Afonso, o senhor feudal todo poderoso.

É nessa perspectiva que a irmã de Baltazar, quando chega à adolescência, vai servi...more
Érica Siqueira
Escrita muito bela e marcante, porém de uma violência desnecessária.
Depois de ler esse livro, fiquei pensando: será que nossos corações são tão duros que precisamos ser chocados com cenas e palavras tão brutais para entendermos, nos solidarizarmos, e principalmente agirmos contra toda forma de força que se sobrepõe, seja ela do macho, do branco, ou do capital?
Precisamos ver bichos agonizarem, crianças esqueléticas morrendo de fome, homossexuais chutados até a morte, ou como nesse livro, mulheres...more
Joana Vaz Teixeira
Couldn't really understand the hype about this new portuguese writer... Couldn't stop feeling disgusted while reading about very sexist and abusive characters... Not my cup of tea.
Mady
This was my first book by valter hugo mãe, a new Portuguese writer who has won the José Saramago prize.

Baltazar Serapião (or Sarga, as his family is known) lives on the land of Lord Afonso and is, like his whole family, bound to work for him. Once he marries Ermelinda, the beauty of the village, his jealousy takes the best of him... According to Baltazar and his father, women are basically only useful for cooking and sex.

This is a quite violent story taking place in medieval Portugal.
However, t...more
Larissa Tollstadius
Para que vem a esse livro em busca da suavidade encontrada em Máquina de Fazer Espanhóis, levará um susto. O que senti ao ler esse texto, foi o inverso do que me provocou a Máquina. Em Máquina, percebi amor e senti forte empatia pelo protaganista-narrador. Em o Remorso de Baltazar Serapião senti completa antipatia por Baltazar. O que mais queria era me livrar logo do livro.

O livro retrata um cenário medieval. Mostra como as mulheres eram consideradas seres abjetos. As mulheres são humilhadas e v...more
Flávia
(só o primeiro capítulo já mata a pessoa. estou no quinto e não vejo como evitar a empolgação, é muito bem escrito de uma maneira imperfeita, tem detalhe, mas é vago, o personagem é estupidamente machista, mas sutil e burro, um pouco amoral, um pouco bicho. não sei. está sendo a minha melhor leitura contemporânea dos últimos tempos.)


resumindo: uma violência de livro.
Elisabete Teixeira
Ė um livro muito forte que encerra muita violência: dos homens sobre as mulheres e das mulheres sobre elas mesmas através da sua subjugação ao sexo masculino. Desse ponto de vista ė um livro que me pôs mal disposta. Só aconselho a quem considere tirar sentimentos muito negativos da própria leitura. Caso contrário, aconselho que passem...
Neni
Mais uma vez comovida com valter hugo mãe. Mais um livro simples, belo e comovente. Vou ter saudades do sargas todos.
Elisabete
Adorei ler este livro e acho-o fabuloso em todos os aspectos. O fim... bom, era o fim possivel.
Leon Franklin
A very ggod book from one of the most promising portuguese writters.
Rodrigo
O cara tem um jeito diferente de escrever mesmo.
Clara
Absolutely brutal writing!
Natacha Martins
Depois de ter gostado tanto do "a máquina de fazer espanhóis", as expectativas para o próximo livro a ler do valter hugo mãe eram elevadas. "o remorso de baltazar serapião" é muito diferente e por isso, as comparações naturais com o livro anterior desapareceram na primeira página, o que foi bom. :) Gosto de escritores que não ficam presos a uma única forma de escrever, que parecem conseguir reinventar-se a cada livro que escrevem, conseguindo manter a identidade.

"o remorso de baltazar serapião"...more
Castela
valter hugo mãe e Gonçalo M. Tavares são os dois mais espantosos escritores da minha geração. Li a pouco o primeiro livro do valter “o nosso reino” e agora o genial “o remorso de baltasar serapião”, faltam-me ainda os dois mais recentes.
É espantosa a galeria de personagens inesquecíveis marcadas pelo mundo mágico-religioso e por uma sexualidade que dá prazer mas que ronda a animalidade selvagem que causa sofrimento e morte.
Sim amigas, o homem tem cometido um horrendo crime sobre vós e sobre este...more
Rafael Ferreira
Primeiro romance do autor português valter hugo mãe publicado no Brasil, o remorso de baltazar serapião causou furor nos meios literários brasileiros. O autor participou da edição de 2011 da FLIP, sendo tratado como um popstar. A grande pergunta é: o livro justifica, ou se trata de mais um exemplo de autor midiático e sem conteúdo, como Jonathan Franzen? No caso de valter hugo mãe e seu o remorso de baltazar serapião, todos os elogios são mais do que devidos. O livro é realmente excelente.

O que...more
Cristina

O Remorso de Baltazar Serapião é sem dúvida um dos melhores livros que li de ValterHugo Mãe até hoje.

Talvez pelo tipo de narrativa , entrei nem como um filme em plena idade medieval e foi como se um furacão entrasse porta "adentro". Divida entre a crueza e ternura das várias personagens, deixei de sentir falta das Maiusculas...e li-o de coração na mão.

É um livro que me faz pensar sobre a violência exercida sobre a mulher, não podendo deixar de concordar que pretensamente ficcionando aquela altur...more
Isabel Maia
Na obscura Idade Média, vive numa aldeia portuguesa sem nome a família Serapião. Ou os Sargas, em referência à dócil e doméstica vaca de homónimo nome, propriedade da família. O senhor dessas terras, Afonso de Castro de seu nome, insiste em exigir a presença de todas as raparigas belas no seu paço. Essa é a grande causa da ira e ciume de Baltazar contra a mulher Ermesinda, ao ponto de a ir desfigurando a cada suspeita de traição. Este foi um livro um tanto complicado de ler por duas razões: a pr...more
Ana_lx
Livro fantástico sobre o terrivel tema da opressão das mulheres, entre outros.
Narrativa soberba de um autor que me surpreende cada vez mais em cada obra.
Daniel
De imediato, duas comparações: A primeira põe a prosa do mãe lado a lado com a de seu conterrâneo j. L. Peixoto. Enquanto este apela pra uma beleza mais sofisticada - é do tempo, da morte, da eternidade e outros elementos metafísicos que ele vai tratar com barroquismos sintáticos e prosódicos, enquanto o Mãe segue em outra direção, seguindo seus personagens medievais em seu estreito entendimento do mundo, ocupando-se em desenhar as ações por dentro do mundo de seus personagens. Nada mais distant...more
Ozzie&Nita
Gostei imenso deste livro e surpreendeu-me pela originalidade da escrita que valter hugo mãe nos presenteia nesta historia. História essa que me fez sentir do "nojo" e horror ao deslumbramento. Não me foi fácil "ouvir" o que baltazar serapião, o sarga, tinha para contar. Sentimentos rudes e de intensos ciumes que fizeram a vida das personagens desta história um espelho ainda que grosseiro da brutalidade que muito ainda se vive nos dias de hoje.


Tiago Vitória
Uma intencionalidade linguística rude e crua de povoar uma época medieval e descontrair conceitos emocionais e esotéricos que se ligam e desligam como relâmpagos.
Mafalda Matos
Concordo com o Ozzie quando diz q este livro no leva do horror ao deslumbramento. A descrição da evolução de sentimentos do baltazar está fabulosa. O que me arrepiou/fascinou mais foi a conclusão inocente de se achar que se pode exercer volência física nas mulheres por estas serem consideradas propriedade. Uma realidade, infelizmente, tão presente até nos dias de hoje.
David Alexandre Silva
Apesar de elogiar e gostar da originalidade do tema e uma historia bastante interessante, a leitura dificil estraga a experiencia de ler esta obra. Sinceramente pareceu-me mais um wannabe saramago do que um autor a lutar por uma arte verdadeiramente sua. Contudo vale a pena ler pela capacidade de transmitir um dialogo de plebe num tempo dificil de retratar.
« previous 1 3 4 5 6 7 8 9 18 19 next »
There are no discussion topics on this book yet. Be the first to start one »
  • O Bom Inverno
  • Balada da Praia dos Cães
  • Os Livros que Devoraram o Meu Pai
  • Morreste-me
  • Contos da Montanha
  • Contos
  • Uma Viagem à India
  • The Inquisitors' Manual
  • A Queda dum Anjo
  • Rio das Flores
  • O Retorno
  • O Teu Rosto Será o Último
  • A Voz dos Deuses
  • Uma Família Inglesa
2326716
Valter Hugo Mãe é o nome artístico do escritor português Valter Hugo Lemos. Além de escritor é editor, artista plástico e cantor.
Nasceu em Saurimo, Angola em 1971. Passou a infância em Paços de Ferreira e, actualmente, vive em Vila do Conde.
É licenciado em Direito e pós-graduado em Literatura Portuguesa Moderna e Contemporânea.
Vencedor do Prémio José Saramago no ano de 2007
É autor dos livros de...more
More about Valter Hugo Mãe...
A Máquina de Fazer Espanhóis O Filho de Mil Homens A Desumanização O Apocalipse dos Trabalhadores O Nosso Reino

Share This Book

“(...)não há mãe alguma que não mereça o céu, porque, em verdade, as mães transportam o céu dentro delas(...)” 0 likes
More quotes…