Goodreads helps you keep track of books you want to read.
Start by marking “O Paradigma Perdido: a natureza humana (Biblioteca Universitária #7)” as Want to Read:
O Paradigma Perdido: a natureza humana (Biblioteca Universitária #7)
Enlarge cover
Rate this book
Clear rating
Open Preview

O Paradigma Perdido: a natureza humana (Biblioteca Universitária #7)

4.09  ·  Rating Details  ·  58 Ratings  ·  5 Reviews
Il faut cesser de disjoindre Nature et Culture : la clé de la culture est dans notre nature et la clé de notre nature est dans la culture.Il faut cesser de réduire l'homme à l'homo faber et l'homo sapiens. Homo, qui apporte au monde magie, mythe, délire, est doué à la fois de raison et de déraison : sapiens-demens. Au-delà d'une conception étroite et fermée de la vie (biol ...more
222 pages
Published 2000 by Publicações Europa-América
More Details... edit details

Friend Reviews

To see what your friends thought of this book, please sign up.

Reader Q&A

To ask other readers questions about O Paradigma Perdido, please sign up.

Be the first to ask a question about O Paradigma Perdido

This book is not yet featured on Listopia. Add this book to your favorite list »

Community Reviews

(showing 1-5 of 144)
filter  |  sort: default (?)  |  Rating Details
Mariana Ferreira
Jul 20, 2015 Mariana Ferreira rated it it was amazing
Shelves: anthropology

Morin, antropólogo, sociólogo e filósofo francês, principal teórico da Complexidade, pretende dissolver tanto o "antropologismo" como o " biologismo" - ambas as correntes isolam o Homem: ora colocando-o num pedestal em apologia ao ser racional emancipado da Natureza através da Cultura (antropologismo), ora referindo-se a ele como ser totalmente regido pelo determinismo genético (biologismo). O Homem resulta sim de uma pluralidade de relações, da praxis de quatro pólos principais: Ecossistema, si
...more
José Pereira
Aug 19, 2012 José Pereira rated it it was amazing
Fundamental para entender o comportamento do ser humano enquanto animal social.
Partindo de estudos antropológicos explica uma grande parte da nossa estrutura social tradicional, desde o núcleo familiar até às tribos.
Um dos ideólogos do Maio de 68, acabou por desiludir os seus camaradas com teses que o afastaram das teorias sociais colectivistas.
Rui Alberto
Jun 28, 2014 Rui Alberto rated it it was amazing
Um dos melhores livros que já li!
A ler pelos menos uma vez na vida!
Suellen Rubira
Dec 16, 2015 Suellen Rubira rated it it was amazing
Rejeitando o biologismo e o antropologismo, Morin integra o homem à sua biologia e também sua cultura, única maneira de se chegar a uma compreensão da natureza humana, a qual não está estritamente ligada à genética, mas depende igualmente do social.
Joel Gomes
Dec 01, 2012 Joel Gomes rated it really liked it
Shelves: reviewed
Hesitei bastante entre as quatro estrelas que atribuí e as três estrelas. Gostei bastante do livro, o senhor Morin tem uma escrita simples, apelativa e elucidativa, mas demorei tanto tempo a ler este livro que ponderei atribuir uma pontuação mais baixa para me obrigar a relê-lo com mais atenção. Foi aí que me apercebi que não podia fazer isso por esse preciso motivo. Gostei do livro e fiquei com vontade de o reler com mais atenção e, quem sabe, dar-lhe uma pontuação ainda mais elevada. Até breve ...more
« previous 1 3 4 5 6 7 8 9 28 29 next »
There are no discussion topics on this book yet. Be the first to start one »
64032
Edgar Morin is a French philosopher and sociologist born Edgar Nahoum.

At the beginning of the 20th century, Morin's family migrated from the Greek town of Salonica to Marseille and later to Paris, where Edgar was born. He first became tied to socialism in connection with the Popular Front and the Spanish Republican Government during the Spanish Civil War.

When the Germans invaded France in 1940, E
...more
More about Edgar Morin...

Share This Book