Sagarana
Enlarge cover
Rate this book
Clear rating

Sagarana

4.23 of 5 stars 4.23  ·  rating details  ·  746 ratings  ·  11 reviews
Apresentando a paisagem e o homem de sua terra numa linguagem já então exclusiva, por meio de contos como 'O burrinho pedrês', 'Duelo', 'A hora e a vez de Augusto Matraga', Guimarães Rosa fez deste livro a semente de uma obra cujo sentido e alcance ainda estão por ser inteiramente decifrados.
Paperback, 447 pages
Published July 2007 by Adriana Hidalgo editora (first published 1946)
more details... edit details

Friend Reviews

To see what your friends thought of this book, please sign up.

Reader Q&A

To ask other readers questions about Sagarana, please sign up.

Be the first to ask a question about Sagarana

Community Reviews

(showing 1-30 of 1,182)
filter  |  sort: default (?)  |  rating details
André Mendes
Amormeuzinho é uma palavra que deveria existir desde sempre.
Ben Loory
okay, so... it's not magical-realism, but everything talks... frogs, birds, cows, oxen... everything... the grass waves and fruit grows and trees sleep and wind whispers... people live amongst it all but they are not privileged or above it... death is everywhere all the time, but not as the end, not as a monster... it's just woven into the world like everything else... people tell stories, lots of stories... and so do the oxen and the frogs... stories about all the other things that happen to ev...more
Dauro Veras
Jul 08, 2009 Dauro Veras rated it 5 of 5 stars
Recommends it for: ladyrasta,inagaki
Os outros escritores que me perdoem, mas Guimarães Rosa é fundamental. Sagarana é um dos melhores livros de contos que li em todos os tempos. Recentemente o reli e me deliciei com O Burrinho Pedrez e A hora e a vez de Augusto Matraga, entre outras obras-primas. Rosa é aborda temas universais com um saboroso tempero brasileiro. O livro é todo bom. Recomendo como introdução à obra do escritor, antes de Grande Sertão - Veredas.
Jacob Wren
Sep 21, 2012 Jacob Wren marked it as to-read
I ordered this book on the internet. I thought I was ordering the English translation, but instead the Spanish original arrived in the mail. I felt foolish.
Eduardo Pereira
Foi em Sagarana que eu li Augusto Matraga e fiquei admirado com a riqueza da trama (o momento da perseguição, o modo como ele escapa pelo barranco depois de toda aquela violência dos jagunços ( acho que uma novela da Globo, que agora me foge o nome, ambientada no nordeste, em que a personagem quase morre e é salva, sendo costurada por um velho, foi inspirada nesse conto do Rosa: o elemento trágico é o mesmo!)). E tem ainda todo aquele sabor de um cara original, que vira a língua do avesso. O Bur...more
Gabriela Melo
Guimarães Rosa é famoso por inventar novas palavras – até existe um dicionário só com seus neologismos. O titulo deste livro é um bom exemplo. “Saga”, aventura e “rana”, palavra tupi, que significa “parecido”, ou seja, sagarana significa “parecido com uma saga”.

O livro possui nove contos:

O BURRINHO PEDRÊS

Conta a historia do burro Sete - de Ouros, já velho, que é esquecido pelo dono, Major Saulo, mas que acaba salvando a vida de dois vaqueiros.

A VOLTA DO MARIDO PRÓDIGO

Lalino não é chegado ao...more
adri patamoma
li este livro pela primeira vez em 1993, pra prestar vestibular. lembro que, dentre os livros da lista da fuvest, este foi o que mais me marcou. livro bom! decidi, depois de tanto tempo, sem lembrar mais nada sobre o livro, reler pra relembrar. minha primeira surpresa é que são contos que fazem o sagarana (minha má memória me dizia que era uma história só, passada no sertão). a segunda surpresa é que o livro é realmente bom, com histórias que se passam em minas gerais (e daí me lembram a adélia...more
Andrew
Okay, so I didn't read the whole thing, but I read "The Hour and the Time of Augusto Matraga" for my Brazilian Lit class. Although it was difficult to get through because of all the colloquialisms, it was quite enjoyable. It's considered, I found out later, the essential novel in Brazilian literature. It's basically a story about redemption, but it's so allegorical that it feels like a parable out of the Bible.
Henrique Cassol
Para começo de conversa, não é um livro fácil de se ler, de modo que tive que recorrer ao dicionário por várias vezes. Nem todos os contos são brilhantes, mas alguns são realmente muito bons, em especial, os contos: O burrinho pedrês, A hora e a vez de Augusto Matraga e A volta do Marido Pródigo, se recordo, em que a mineirice vem à tona com toda a força.
Matheus Cavalcante
Ótimos contos. Com um caráter regionalista ainda mais acentuado que Grande Sertão: Veredas, Rosa explora caráteres inusitados do humano e do mágico. Destaque para O Burrinho Pedrês, Sarapalha, Minha Gente e Conversa de Bois.
Rafa El
one of my favorites books.
Crislaine Gruber
Crislaine Gruber marked it as to-read
Aug 26, 2014
Nara Francini
Nara Francini is currently reading it
Aug 26, 2014
Rafael Müller
Rafael Müller marked it as to-read
Aug 23, 2014
Solaine Chioro
Solaine Chioro marked it as to-read
Aug 20, 2014
Elson Rocha
Elson Rocha marked it as to-read
Aug 19, 2014
Carolina
Carolina is currently reading it
Aug 17, 2014
Pedro
Pedro marked it as to-read
Aug 19, 2014
Ruberval
Ruberval marked it as to-read
Aug 16, 2014
Marina
Marina marked it as to-read
Aug 16, 2014
Peretdesnos
Peretdesnos marked it as to-read
Aug 15, 2014
Paula Baqueiro
Paula Baqueiro marked it as to-read
Aug 13, 2014
Thais Aux
Thais Aux marked it as to-read
Aug 12, 2014
« previous 1 3 4 5 6 7 8 9 39 40 next »
There are no discussion topics on this book yet. Be the first to start one »
  • São Bernardo
  • Morte e Vida Severina
  • O Continente vol. 1 (O Tempo e o Vento, #1)
  • Lavoura Arcaica
  • A Rosa do Povo
  • Contos Completos De Machado De Assis
  • Memórias de um Sargento de Milícias
  • Macunaíma
  • O Triste Fim de Policarpo Quaresma
  • A Vida Como Ela É...
  • Libertinagem / Estrela da manhã
  • Auto da Compadecida
  • Rebellion in the Backlands
  • O Encontro Marcado
  • O Cortiço
  • Family Ties
95937
João Guimarães Rosa (27 June 1908 - 19 November 1967) was a Brazilian novelist, considered by many to be one of the greatest Brazilian novelists born in the 20th century. His best-known work is the novel Grande Sertão: Veredas (translated as The Devil to Pay in the Backlands). Some people consider this to be the Brazilian equivalent of Ulysses.

Guimarães Rosa was born in Cordisburgo in the state of...more
More about João Guimarães Rosa...
Grande Sertão: Veredas Primeiras Estórias Manuelzão e Miguilim A Hora e a Vez de Augusto Matraga The Third Bank of the River and Other Stories

Share This Book

No trivia or quizzes yet. Add some now »