David Soares





David Soares

Author profile


born
in Lisbon, Portugal
April 17, 1976

gender
male

website

genre


About this author

David Soares é autor dos romances "Batalha", uma história que discorre sobre o fenómeno religioso a partir do ponto de vista dos animais, "O Evangelho do Enforcado" (http://www.saidadeemergencia.com/inde...), que conta a história dos famosos painéis de São Vicente de Fora, "Lisboa Triunfante" (http://www.saidadeemergencia.com/inde...), uma história mágica sobre a capital portuguesa, e "A Conspiração dos Antepassados" (http://www.saidadeemergencia.com/inde...), sobre o encontro do poeta Fernando Pessoa com o mago inglês Aleister Crowley (Saída de Emergência: 2010, 2008 e 2007). Publicou três livros de contos, sete álbuns de banda desenhada e um livro de ensaio literário sobre banda desenhada. Na sua carreira como autor de banda desenhada (pu ...more


David Soares isn't a Goodreads Author (yet), but he does have a blog, so here are some recent posts imported from his feed.
Wittgenstein escreveu que se um leão pudesse falar nós não seríamos
capazes de entendê-lo. Sim, o dentista norte-americano também não
entendeu o que lhe disse o leão que alvejou com uma flecha, atingiu de
balas e cuja cabeça, em seguida, decepou. Sejam quais forem as
circunstâncias, aqueles que, por uns instantes, se vêem com domínio
sobre os outros têm sempre muita dificuldade em Read more of this blog post »
Like  •  0 comments  •  flag
Published on July 30, 2015 09:46
Average rating: 3.67 · 1,058 ratings · 139 reviews · 33 distinct works · Similar authors
O Evangelho do Enforcado
3.97 of 5 stars 3.97 avg rating — 92 ratings — published 2010
Rate this book
Clear rating
Batalha
4.28 of 5 stars 4.28 avg rating — 86 ratings — published 2011 — 5 editions
Rate this book
Clear rating
A Conspiração dos Antepassados
3.69 of 5 stars 3.69 avg rating — 89 ratings — published 2007 — 2 editions
Rate this book
Clear rating
Lisboa Triunfante
3.85 of 5 stars 3.85 avg rating — 53 ratings — published 2008 — 2 editions
Rate this book
Clear rating
Os Ossos do Arco-Íris
3.38 of 5 stars 3.38 avg rating — 55 ratings — published 2006
Rate this book
Clear rating
No Muro (DN Contos Digitais...
3.19 of 5 stars 3.19 avg rating — 58 ratings — published 2012
Rate this book
Clear rating
A Luz Miserável
3.58 of 5 stars 3.58 avg rating — 45 ratings — published 2010
Rate this book
Clear rating
Compêndio de Segredos Sombr...
4.0 of 5 stars 4.00 avg rating — 29 ratings — published 2012
Rate this book
Clear rating
O Pequeno Deus Cego
by
3.58 of 5 stars 3.58 avg rating — 24 ratings — published 2011
Rate this book
Clear rating
É de Noite que Faço as Perg...
by
3.57 of 5 stars 3.57 avg rating — 21 ratings — published 2011
Rate this book
Clear rating
More books by David Soares…

Upcoming Events

No scheduled events. Add an event.

“«Andar a pé por uma cidade antiquíssima, como Lisboa, é meio-caminho andado para se sentir uma tristeza profunda pela efemeridade do nosso próprio mundo: onde estão os nossos sítios, os nossos mortos, esses pontos de contacto entre o nosso coração e o território? Como continuar a caminhar, quando grande parte do que amámos já se foi embora? Quem estuda a história não se pode dar ao luxo de ser nostálgico, mas eu não sou historiador, sou escritor e por isso posso ser nostálgico à vontade. E nem toda a tristeza é má. Continuam perto de nós, essas âncoras de osso e pedra, de palavra e memória - camufladas no território, como um vasto sistema nervoso sob os músculos. Continua-se a caminhar, porque o território é tudo o que existe: é tudo o que sempre existiu e continuará a existir; mesmo depois das mortes daqueles de quem gostamos e da ruína dos locais onde vivemos. Somos sílabas e iluminuras num texto redigido pelo tempo sobre a terra que nos viu nascer, como tinta sobre um pedaço de papel. Nós secamos, como a tinta - embaciamos. O território fica - mas nós ficamos nele. Ressequidos. Translúcidos. Como folhas mortas. Não há nada mais para além disso.»”
David Soares

“Os seus amigos gostam dos poemas que escreve?
'Acho que sim. Acho que gostam bastante.'
'Muito bem, mas não se esqueça: o seu talento só será tolerado enquanto aquilo que alcançar não fizer sombra à mediania daqueles que o rodeiam.”
David Soares, A Conspiração dos Antepassados

“As coisas que vivem ao pé da morte sentem-nos e vêm ter connosco. Quando somos capazes de ver as coisas que vivem ao pé da morte é porque estamos ao pé dela. É sinal que vamos morrer.”
David Soares, A Luz Miserável

Topics Mentioning This Author

topics posts views last activity  
Portugal: Últimas Aquisições 28 75 Sep 13, 2011 04:47AM  
Portugal: Fantasia e ficção cientifica portuguesa 12 258 Aug 27, 2014 11:27AM  
Só Ler Não Basta: Tema do mês: Autores Lusófonos 42 44 Apr 12, 2015 11:13AM  


Is this you? Let us know. If not, help out and invite David to Goodreads.